Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Trabalhadores da Conforlimpa no hospital de Viseu exigem pagamento de salário

Lusa

  • 333

Viseu, 07 mar (Lusa) -- Três dezenas de trabalhadores da empresa Conforlimpa concentraram-se hoje à entrada do hospital de Viseu, onde prestam serviço, e exigiram o pagamento do salário de fevereiro, que dizem estar em atraso.

Os trabalhadores estão hoje a cumprir uma greve de 24 horas. No turno da manhã, "só trabalhou a encarregada", segundo Vivalda Silva, responsável do setor de limpeza do Sindicato dos Trabalhadores de Portaria, Vigilância, Limpeza, Domésticas e Actividades Diversas (STAD).

A dirigente sindical disse aos jornalistas que os trabalhadores -- cerca de três dezenas, sendo apenas um homem -- "estão com o salário de fevereiro por pagar", o que está a provocar "situações dramáticas".