Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Trabalhadores da CaetanoBus contra 'lay-off' que afeta 98 funcionários

Lusa

  • 333

Vila Nova de Gaia, 02 abr (Lusa) -- Cerca de uma centena de pessoas concentraram-se hoje à tarde em frente às instalações da CaetanoBus contra a aplicação do 'lay-off' decidido pela empresa, que abrange 98 trabalhadores, durante um prazo de seis meses.

Conforme notícia avançada segunda-feira pela agência Lusa, o grupo Salvador Caetano volta a recorrer ao 'lay-off' na sua participada CaetanoBus, em Vila Nova de Gaia, devido à redução do volume de encomendas, informação confirmada pela empresa fabricante de carroçarias e autocarros.

Hoje, em frente às instalações da empresa, cerca de uma centena de trabalhadores manifestaram-se contra esta decisão da administração, exigindo a revogação desta suspensão temporária da prestação de trabalho para 98 pessoas, que começou segunda-feira e prevê-se que dure seis meses.