Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Trabalhadores da Águas do Porto dão 20 dias à empresa para pagamento voluntário de dívidas

Lusa

  • 333

Porto, 13 mar (Lusa) -- A Comissão de Trabalhadores da Águas do Porto anunciou hoje que foi dado um prazo de 20 dias para que a empresa municipal pague voluntariamente os valores em dívida relativos à restituição da carreira contributiva.

Em causa está a alteração do regulamento da empresa municipal, em agosto de 2012, que fixou que os funcionários da Águas do Porto deixariam de descontar para a Caixa de Reformas, estando previsto no mesmo regulamento que, passados 120 dias, os trabalhadores deveriam ter sido "ressarcidos de toda a carreira contributiva, bem como uma correção monetária".

"Os sócios no ativo da Caixa de Reformas e Pensões entregaram hoje, 13 de março, uma petição a solicitar o pagamento voluntário, por parte da administração da empresa, dos descontos efetuados mensalmente ao longo da sua vida de trabalho ao serviço do município", refere o comunicado da Comissão de Trabalhadores.