Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Trabalhadores com salários em atraso manifestam-se contra fecho de hotel em Santiago do Cacém

Lusa

  • 333

Santiago do Cacém, 10 jan (Lusa) -- Os trabalhadores do Hotel Caminhos de Santiago, em Santiago do Cacém, que se queixam de três meses de salários em atraso, vão manifestar-se na sexta-feira contra o anunciado encerramento da unidade, revelou hoje fonte sindical.

A ação prevê uma concentração junto ao hotel, às 10:00, sendo depois os representantes dos trabalhadores recebidos pelo presidente do município, às 10:30, esclareceu à agência Lusa Inácio Astúcia, do Sindicato dos Trabalhadores na Indústria de Hotelaria, Turismo, Restaurantes e Similares do Sul.

Segundo Inácio Astúcia, no início desta semana, o advogado do Hotel Caminhos de Santiago informou o sindicato de que a unidade iria cancelar todas as reservas dos clientes e encerrar já na sexta-feira.