Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Tito Vilanova admite que a relação com Guardiola "arrefeceu"

Lusa

  • 333

Barcelona, 26 abr (Lusa) - Tito Vilanova, treinador de futebol do FC Barcelona, reconheceu hoje que a sua relação com Pep Guardiola, com quem trabalhou durante quatro anos na Catalunha, resfriou e considera que a distância contribuiu para o afastamento.

Apesar de dizer que tem uma relação "íntima" de amizade com Guardiola, Vilanova admitiu que "com a distância, as relações resfriam-se", na sua primeira conferência de imprensa em três meses após o tratamento de cancro numa das glândulas salivares.

O técnico do Barcelona rejeita ainda comparações com o futuro treinador do Bayern de Munique, limitando-se a afirmar que pretende "fazer as coisas bem".