Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Tibetano imolou-se pelo fogo tornando-se no 101º ativista a usar aquele método de protesto

Lusa

  • 333

Redação, 14 fev (Lusa) - Um tibetano identificado por diversas organizações como sendo Lobsang Namgyal morreu depois de se imolar pelo fogo na região de Aba, uma zona tibetana na província chinesa de Sichuan.

De acordo com a Radi Fere Asia, o homem, descrito como um antigo monge do mosteiro de Kirti, imolou-se junto a uma esquadra de polícia, elevando para 101 o número de pessoas que recorreram a este método de sacrifício em prol da causa tibetana desde 2009.

"Ele correu em direção à esquadra policial gritando alguns slogans e com o corpo em chamas e acabou por morrer no local", referiram monges no exílio ao salientarem que a polícia acabou por cremar o corpo e entregar as cinzas à família.