Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Tesoureiro do braço financeiro do Banco Mundial reitera apoio ao setor privado moçambicano

Lusa

  • 333

Maputo, 02 abr (Lusa) - O vice-presidente e tesoureiro do braço financeiro do Banco Mundial, Jingdong Hua, reiterou hoje o apoio ao desenvolvimento do setor privado em Moçambique, país que, disse, "continua num ritmo positivo de estabilidade e crescimento".

Na sua primeira visita a Moçambique, Jingdong Hua disse que a Corporação Financeira Internacional (IFC na sigla em inglês) destacou "a necessidade de aprofundar o mercado nacional de capitais para expandir o acesso ao financiamento em moeda local (o metical), para o setor privado".

"Um elemento importante é fortalecer o mercado nacional de capitais, porque cria acesso ao financiamento de longo prazo, em moeda local para projetos de grande dimensão em setores estrategicamente importantes, e assim como para as PME, fatores chave de criação de emprego e crescimento", disse o responsável citado numa nota de imprensa do Banco Mundial hoje enviada à Lusa.