Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Tese de doutoramento sobre TDT motiva petição "Pela liberdade de investigação académica"

Lusa

  • 333

Braga, 05 nov (Lusa) -- Uma petição "Pela liberdade de investigação académica" está em curso na Internet, depois de a Portugal Telecom ter prometido processar um investigador da Universidade do Minho que apontou "sérios indícios de corrupção" no processo de implementação da TDT em Portugal.

A petição, que já conta com mais de 1.200 assinaturas, afirma "perante a sociedade e os diferentes poderes -- político, económico ou outro - que a liberdade académica é um requisito essencial da atividade científica".

Por outro lado, denuncia "toda e qualquer tentativa que pretenda condicionar a investigação científica e atemorizar ou silenciar os investigadores".