Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Teleconferência da Al-Qaida esteve na origem do alerta de segurança -- Imprensa

Lusa

  • 333

Washington, 07 ago (Lusa) -- O encerramento de embaixadas norte-americanas no Médio Oriente e no norte de África foi decidido após a interceção de uma teleconferência entre o líder da Al-Qaida, Ayman al-Zawahiri, e responsáveis de unidades da rede terrorista.

A informação foi hoje avançada pelo site noticioso norte-americano Daily Beast, também detido pela revista Newsweek.

Durante a conferência, Ayman al-Zawahiri referiu Nasser Al-Whaychi, líder da Al-Qaida na Península Arábica (Aqpa), unidade com sede na Iémen, como uma espécie de "diretor-geral" da rede terrorista, ou seja, como o "número dois" da Al-Qaida.