Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Tauromaquia: Empresa do Campo Pequeno assume "aposta forte e de risco" na Nazaré e Figueira da Foz, apesar da crise

Lusa

  • 333

Lisboa, 02 jul (Lusa) -- Apesar da crise, a empresa do Campo Pequeno, em Lisboa, vai fazer na atual temporada tauromáquica uma "aposta forte e de risco" na gestão das praças de toiros da Nazaré e Figueira da Foz.

Os cavaleiros João Moura, João Moura Jr, Rui Fernandes e o rejoneador espanhol Pablo Hermoso de Mendonza são algumas das apostas da empresa para as duas praças situadas na costa portuguesa.

O gestor das atividades tauromáquicas do Campo Pequeno, Rui Bento, recordou hoje à agência Lusa que, em 2011, a empresa obteve "grandes resultados" na gestão daqueles espaços e, na presente temporada, vai "pugnar" por cartéis de "máximo interesse". Apesar da crise e da conjuntura económica que o país atravessa, Rui Bento afirmou que a empresa do Campo Pequeno "confia" na adesão do público, uma vez que se trata de praças de toiros que estão instaladas junto à costa e, por isso, são zonas que, normalmente, acolhem no verão milhares de turistas.