Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Tauromaquia: Distrito de Évora prepara-se para declarar a festa como Património Cultural Imaterial da região

Lusa

  • 333

Lisboa, 17 set (Lusa) -- A Comunidade Intermunicipal do Alentejo Central (CIMAC), que representa os 14 concelhos do distrito de Évora, prepara-se para declarar a tauromaquia como Património Cultural Imaterial da região, revelou hoje à agência Lusa fonte da instituição.

De acordo com o presidente do município de Reguengos de Monsaraz e autor da proposta, José Calixto, o documento deverá ser aprovado pela CIMAC "durante o mês de outubro".

Caso seja aprovada a proposta, a zona de Évora surge como a segunda região do país a declarar a tauromaquia como Património Cultural Imaterial, depois de a Comunidade Intermunicipal do Alto Alentejo (CIMAA), que representa os 15 concelhos do distrito de Portalegre, ter aprovado um documento idêntico durante o mês de julho.