Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

TAP: João Semedo questiona papel de Miguel Relvas nas privatizações, Passos acusa-o de "insinuação" caluniosa

Lusa

  • 333

Lisboa, 21 dez (Lusa) - O coordenador bloquista, João Semedo, questionou hoje o primeiro-ministro, a propósito da TAP, sobre o papel do ministro Miguel Relvas no plano de privatizações, com Passos Coelho a acusá-lo de falta de seriedade e tentativa de "calúnia".

Durante o debate quinzenal na Assembleia da República, o líder bloquista começou por ironizar sobre a recusa do executivo em vender a companhia aérea ao grupo Synergy, de German Efromovich: "O Governo despenhou-se com estrondo no negócio da venda dos aviões, foi uma derrota e tanto, tão sonora como a da TSU [Taxa Social Única], uma derrota cheia de trapalhadas que é necessário esclarecer".

Semedo pediu depois esclarecimentos a Pedro Passos Coelho sobre "a primeira das trapalhadas", porque "há o sério risco" de "continuarem nas próximas privatizações".