Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

TAP e sindicato de tripulantes trocam acusações sobre voos sem serviço de bordo

Lusa

  • 333

Lisboa, 18 jul (Lusa) -- O Sindicato Nacional do Pessoal de Voo da Aviação Civil (SNPVAC) acusa a TAP de gerir mal a tripulação e fazer voos sem serviço de bordo, mas a companhia minimiza a questão e fala em ataque à reputação da empresa.

Depois do SNPVAC ter vindo denunciar a inoperância da administração da TAP para resolver "um problema que há sete anos afeta as operações da companhia no verão", a empresa liderada por Fernando Pinto veio hoje esclarecer que os "voos sem serviço de bordo são menos de um por cento [dos realizados]".

Entretanto, o sindicato representativo dos comissários e assistentes de bordo precisou que "relativamente à operação de verão, pelo menos 40 voos, entre 12 de junho e 12 de julho, saíram das bases (Lisboa e Porto) com uma tripulação mínima de segurança", o que significa realizar as ligações sem serviço de bordo.