Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Tailândia vai manter diálogo de paz no sul, apesar da morte de negociador

Lusa

  • 333

Banguecoque, 06 ago (Lusa) -- As autoridades da Tailândia asseguram que vão manter o diálogo de paz sobre o conflito na região muçulmana do sul do país, apesar da morte de um negociador chave no processo, informou hoje a imprensa local.

Yacob Raimanee, imã da mesquita central de Pattani, morreu na tarde segunda-feira quando circulava de carro com a família, numa estrada provincial de Pattani, ao ser alvo de disparos por dois homens que seguiam num motociclo, indicou o diário "Bangkok Post".

Yacob Raimanee, que sobreviveu a uma tentativa de homicídio em 2011, era um moderado que tinha criticado a violência dos rebeldes, e que colaborava com o Governo nas exposições da situação no sul do país a organizações internacionais.