Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Tailândia: Suu Kyi diz a refugiados birmaneses que a sua luta não está esquecida

Lusa

  • 333

Banguecoque, 02 jun (Lusa) - A líder da oposição birmanesa, Aung San Suu Kyi, voltou hoje a sua atenção para a crise dos refugiados birmaneses e disse a milhares de ocupantes de um enorme campo na Tailândia que a sua luta não está esquecida.

Dentro do campo de refugiados Mae La, onde vivem cerca de 45 pessoas que fugiram da guerra na Birmânia, uma multidão juntou-se em volta da caravana onde seguia Suu Kyi, gritando, "Viva a Mãe Suu!".

A Nobel da Paz iniciou esta semana uma visita de seis dias ao estrangeiro, a primeira em 24 anos. Suu Kyi deixou recentemente de estar em prisão domiciliária, assumindo o cargo de deputada da oposição.