Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Sudão: Jornalista da AFP libertado pelas autoridades ao fim de 12 horas

Lusa

  • 333

Cartum, 20 jun (Lusa) -- Um jornalista da agência noticiosa AFP foi hoje libertado depois de ter sido levado por agentes dos serviços secretos sudaneses quando estava na Universidade de Cartum, tendo ficado detido por mais de 12 horas sem acusação.

Simon Martelli, de nacionalidade britânica, foi detido na terça-feira cerca das 10:00 (hora de Lisboa) quando estava a falar com estudantes e a tirar fotografias na Universidade de Cartum, onde a política anti-motim dispersou alguns protestos nos últimos dias.

O jornalista foi levado para um gabinete dos serviços secretos, onde foi interrogado.