Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Subsídios: APG/GNR exige reposição de subsídio de férias e de Natal deste ano

Lusa

  • 333

Lisboa, 06 Jul (Lusa) -- A Associação dos Profissionais da Guarda (APG/GNR) exigiu hoje a reposição dos valores retirados este mês e o pagamento do subsídio de Natal aos funcionários, após o Tribunal Constitucional ter declarado inconstitucional o corte dos subsídios a funcionários públicos.

Ainda que se congratule com a decisão de quinta-feira do Tribunal Constitucional (TC) - "mesmo tendo consciência que tal declaração só produzirá efeitos no ano seguinte" - a APG/GNR considera que "peca por tardia", lê-se num comunicado divulgado hoje pela associação.

"A APG/GNR manter-se-á atenta a este processo e, desde já, exige publicamente a reposição dos valores retirados este mês e o pagamento do subsídio de Natal, propondo-se a desenvolver os esforços adequados à satisfação desta reivindicação", acrescenta a nota desta associação profissional.