Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Strauss-Kahn diz que sistema financeiro não está na origem da crise

Lusa

  • 333

Paris, 26 jun (Lusa) - O sistema financeiro internacional não está na origem da crise económico-financeira, "o comportamento dos que o utilizam é o verdadeiro problema", considerou hoje o ex-diretor do Fundo Monetário Internacional (FMI) Dominique Strauss-Kahn.

Na sua primeira intervenção no Parlamento francês desde que teve de deixar o FMI em 2011, na sequência de um escândalo sexual, Strauss-Kahn assegurou, numa comissão de inquérito no Senado, que a responsabilidade do sistema financeiro na crise atual "é um tema vasto".

Na opinião do ex-ministro das Finanças francês, "o sistema funciona mal, mas acusar as finanças pelo desastre económico (...) tem a mesma pertinência que dizer que a indústria automóvel é culpada pelas mortes na estrada".