Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

"Solitário" que assaltou 20 bancos à mão armada conhece acórdão na sexta-feira

Lusa

  • 333

Lisboa, 19 nov (Lusa) - A leitura do acórdão do julgamento do homem conhecido como "solitário", acusado de roubar 20 instituições bancárias à mão armada, está agendada para sexta-feira nas varas criminais de Lisboa, disse hoje à agência Lusa a sua advogada.

O homem de 41 anos está acusado de 20 crimes de roubo qualificado, quatro na forma tentada, levados a cabo entre abril de 2011 e janeiro deste ano. Sandra Dias explicou que seis deles foram desqualificados pelo tribunal para roubos simples. O seu cliente encontra-se em prisão preventiva há cerca de oito meses.

Segundo a acusação do Ministério Público (MP), o arguido praticou os roubos nos concelhos de Lisboa, Cascais, Oeiras, Mafra, Torres Vedras, Seixal, Loures e Amadora, sempre sozinho e munido de uma réplica de arma de fogo e de meios de disfarce, como óculos escuros, boné de cor escura e fita-cola colada na ponta dos dedos.