Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Situação na República Centro-Africana continua imprevisível -- analista

Lusa

  • 333

Redação, 19 jul (Lusa) -- O Presidente de transição da República Centro-Africana (RCA), Michel Djotodia, está a tentar restaurar a segurança na capital Bangui, mas esse objetivo dificilmente será alcançado, pelo que a situação continuará "imprevisível", afirmou hoje à Lusa um analista.

"O governo de Djotodia está a tentar restaurar a segurança em Bangui e controlar a delinquência dos combatentes afetos à coligação Séléka, mas esse objetivo dificilmente terá efeitos práticos", afirmou à agência Lusa Thierry Vircoulon, analista responsável para a região da África Central do International Crisis Group (ICG), uma organização independente voltada para a resolução e prevenção de conflitos armados internacionais.

Contactado a partir de Lisboa, este especialista alertou para a "imprevisibilidade da situação" que se continua a viver não só na capital Bangui, mas em todo o país, quase quatro meses após os grupos rebeldes do Séléka terem tomado de assalto o poder, depondo o presidente François Bobizé.