Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Síria: UE considera cada vez mais urgente envio de missão da ONU e solução política

Lusa

  • 333

Bruxelas, 14 jun (Lusa) -- A União Europeia pediu hoje o destacamento de uma missão da ONU na Síria para investigar a alegada utilização de armas químicas por parte do regime sírio, insistindo que a negociação é a única solução possível para o conflito.

A União Europeia (UE) recebeu com "grande preocupação" a confirmação por parte dos Estados Unidos do uso deste tipo de armas e considera "cada vez mais importante" que as Nações Unidas possam verificar no terreno estas informações, disse o porta-voz comunitário para a área dos Assuntos Exteriores, Michael Mann, numa conferência de imprensa.

A Casa Branca afirmou na quinta-feira ter informações que demonstram que o regime do Presidente sírio, Bashar al-Assad, recorreu a armas químicas, nomeadamente gás de nervos sarin, em ataques que terão feito até 150 mortos.