Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Síria está à beira da "completa destruição" -- Ban Ki-moon

Lusa

  • 333

Nova Iorque, 19 mar (Lusa) -- Os Governos internacionais deverão agir rapidamente para impedir a "completa destruição" da Síria, alertou na segunda-feira o secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon.

Ao condenar a "força brutal" usada pelo regime do Presidente sírio, Bachar al-Assad, nos últimos dois anos, Ban Ki-moon disse, citado em comunicado, que o "mundo assiste hoje às consequências com horror", defendendo que os responsáveis deverão enfrentar a justiça.

Ao salientar um balanço de "bem mais de 70 mil mortos", uma crise humanitária com mais de três milhões de deslocados, cidades e vilas destruídas, o secretário-geral da ONU apontou que "este é o resultado da escolha das armas em detrimento do diálogo político pacífico e de uma mudança genuína", segundo um dos seus porta-vozes, Eduardo del Buey.