Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Síria: Conselho de Direitos Humanos da ONU condena uso de armas químicas

Lusa

  • 333

Genebra, 27 set (Lusa) -- O Conselho de Direitos Humanos da ONU denunciou hoje pela primeira vez o uso de armas químicas na Síria, numa resolução que não aponta responsáveis pelos ataques.

No texto, proposto por 11 países - entre os quais os Estados Unidos, França, Turquia e Arábia Saudita -, o Conselho "condena com firmeza o recurso a armas químicas, proibido pela legislação internacional" e que "constitui um crime grave com efeitos devastadores para a população civil".

O texto não faz qualquer referência aos autores dos ataques com armas químicas, uma condição de vários países para a votarem favoravelmente.