Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Síria: Chefe da célula de crise morto no atentado de Damasco

Lusa

  • 333

Beirute, 18 jul (Lusa) -- O general Hassan Turkmeni, chefe da célula de crise do Governo sírio e adjunto do vice-Presidente, foi morto no atentado de hoje em Damasco, segundo o Observatório Sírio dos Direitos Humanos.

A informação não foi confirmada oficialmente. Antes, fontes da segurança síria indicaram Turkmeni como um dos feridos no atentado, perpetrado por um bombista suicida na sede da Segurança Nacional, no centro da capital da Síria.

"O general Hassan Turkmeni, atualmente adjunto do vice-Presidente sírio, morreu devido aos ferimentos sofridos no atentado", indicou a organização não-governamental citando "fontes na capital síria".