Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Sindicatos entregaram no Ministério da Educação novos pré-avisos de greve

Lusa

  • 333

Lisboa, 07 jun (Lusa) -- Os sindicatos da educação entregaram hoje no Ministério da Educação um novo pré-aviso de greve aos serviços de avaliação para o período entre 18 e 21 de junho, instando o Governo a "cumprir a lei" da negociação sindical.

"Esta decisão decorre, por um lado, do facto de não ter havido qualquer evolução por parte do MEC/Governo nas negociações que ontem terminaram a sua fase regular e, por outro, porque este é o último dia do prazo legalmente estabelecido para apresentar o Pré-aviso de greve para 18 de junho, o primeiro dia não coberto por anteriores pré-avisos", lê-se no comunicado conjunto dos oito sindicatos que subscrevem o pré-aviso de greve, os mesmos que avançaram com a greve iniciada hoje e que dura até dia 14 de junho.

As estruturas sindicais entendem que a aprovação na noite de quinta-feira, em reunião do Conselho de Ministros, de um conjunto de diplomas que alteram o regime de mobilidade especial para a função pública, e alargam o horário de trabalho das 35 para as 40 horas semanais viola os prazos legais de negociação.