Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Sindicatos da Administração Pública da UGT marcam greve para 14 de novembro

Lusa

  • 333

Lisboa, 30 out (Lusa) -- A Federação de Sindicatos da Administração Pública (FESAP) marcou hoje uma greve para 14 de novembro, dia da greve geral, contra as medidas orçamentais que vão agravar as condições de vida e de trabalho dos funcionários públicos.

A FESAP, filiada na UGT, decidiu marcar a paralisação na sequência da apresentação da proposta de Orçamento do Estado para 2013 (OE) e da decisão da Confederação Europeia de Sindicatos (CES), que marcou para a 14 de novembro uma jornada de luta em defesa de um Contrato Social para a Europa.

José Abraão, dirigente da FESAP, disse à agência Lusa que na base da greve estão, nomeadamente, os cortes dos salários e das pensões, a redução do valor dos trabalho extraordinário e a não renovação dos contratos a prazo.