Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Sindicato Nacional da Polícia alerta para "gravosas consequências" do Orçamento do Estado

Lusa

  • 333

Lisboa, 12 out (Lusa) -- O Sindicato Nacional da Polícia (SINAPOL) alertou hoje o Governo para as "gravosas consequências" das medidas previstas no Orçamento do Estado para 2013, e responsabilizou o executivo pelas ações que possam pôr em causa a segurança do país.

Numa nota enviada à imprensa, o SINAPOL escreve que o Governo, em especial o Ministério das Finanças, "aparentemente não se está a aperceber" que, ao aprovarem, no Orçamento do Estado, um conjunto de medidas contra os elementos da PSP, GNR e Forças Armadas, "estão inequivocamente a fazer uma declaração de hostilidade contra estes profissionais".

Segundo o SINAPOL, o anúncio de algumas medidas está a originar diversas reações dos sindicatos, mas também dos profissionais da PSP, GNR e Forças Armadas, que chegam a propor, nas redes sociais e em "conversas de caserna", que a aprovação desta proposta de Orçamento do Estado é uma "autêntica declaração de guerra".