Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Sindicato acusa administração da Brisa de empurrar trabalhadores para a luta

Lusa

  • 333

Lisboa, 20 fev (Lusa) -- O CESP -- Sindicato dos Trabalhadores do Comércio, Escritórios e Serviços de Portugal acusou hoje a Brisa de se recusar a atualizar a tabela salarial, adiantando que "a administração é responsável por encaminhar os trabalhadores para a luta".

"Vamos realizar vários plenários com os trabalhadores das várias empresas do grupo Brisa até à próxima ronda negocial, a 28 de fevereiro, altura em que ou negoceiam efetivamente ou então a administração será responsável por encaminhar os trabalhadores para a luta", afirmou hoje à Lusa o coordenador do CESP responsável pelos trabalhadores das autoestradas, António Vieira.

Em declarações à Lusa, o dirigente sindical disse que a Brisa se tem recusado a negociar um aumento salarial para 2013, no âmbito da revisão do Acordo Coletivo de Trabalho em curso, considerando que "a situação é insustentável para os trabalhadores".