Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Serviços de Informações da Coreia do Sul detiveram três membros de partido minoitário

Lusa

  • 333

Seul, 29 ago (Lusa) -- Os Serviços de Informações sul-coreanos detiveram três membros de um partido de esquerda por, alegadamente, planearem um atentado contra infraestruturas e apoiarem a Coreia do Norte , revelou a agência Yonhap.

Os Serviços de Informações efetuaram buscas em residências de 10 membros do Partido Progressista Unificado, tendo detido três dos elementos, que viram a detenção de emergência confirmada por uma ordem de um Tribunal.

Os três homens estão acusados de "conspirarem para atacarem infraestruturas do país, incluindo redes de comunicação, formarem uma organização que ameaça a segurança nacional, apoiarem a Coreia do Norte e conspirarem para organizarem uma rebelião", explicou um funcionário judicial citado pela Yonhap.