Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Sérvia promete à UEFA tomar medidas contra a violência no futebol

Lusa

  • 333

Belgrado, 08 mar (Lusa) -- O primeiro-ministro sérvio, Ivica Dacic, prometeu hoje que o país irá tomar medidas severas para reduzir a violência no futebol, isto depois das críticas do presidente da UEFA, Michel Platini, acerca da gravidade do problema na Sérvia.

De acordo com um comunicado governamental, Dacic informou Platini, por telefone, que se irá formar, nos próximos 10 dias, um corpo nacional de coordenação de atividades violentas no futebol, com vista arranjar uma solução.

Vai ser também elaborada uma estratégia para este efeito, que deverá ser adotada até ao final de maio, com o objetivo de encontrar uma solução duradoura num prazo de seis meses.