Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Seita Moon abandona produção de veículos na Coreia do Norte

Lusa

  • 333

Seul, 27 nov (Lusa) -- A Igreja sul-coreana da Unificação, conhecida como a "seita Moon" abandonou o negócio de produção de veículos na Coreia do Norte ao ceder a empresa Pyeonghwa Motors ao regime do país depois de 12 anos de operações, revelou o diário Joongang Ilbo, de Seul.

Park Sang-Kwon, diretor geral da companhia e membro da confissão religiosa, apresentou um requerimento ao Ministério da Unificação da Coreia do Sul para iniciar uma nova atividade empresarial no norte que poderá estar relacionada com o fornecimento de bens a hotéis.

O mesmo responsável ainda tentou vender a unidade fabril ao Governo de Pyongyang, mas finalmente decidiu doar o projeto em troca dos direitos de exploração de outro tipo de negócio no país, revelou o jornal citando uma fonte não identificada que será próxima do regime da Coreia do Norte.