Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Secretário-geral da ONU considera "atroz" assassínio de crianças em tiroteio de Newton

Lusa

  • 333

Nações Unidas, 15 dez (Lusa) -- O secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, qualificou de "atroz" que crianças tenham sido alvo de um tiroteio que causou, esta sexta-feira, 27 mortos numa escola primária de Newton, no estado norte-americano do Connecticut.

O facto de crianças terem sido o alvo dos disparos "é atroz e impensável", afirmou Ban Ki-moon, num comunicado divulgado pelo seu porta-voz e citado pela agência noticiosa espanhola Efe.

O tiroteio resultou na morte de 20 crianças, seis adultos e do presumível autor dos disparos que aparentemente se terá suicidado.