Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Scolari pediu desculpa por polémica com Banco do Brasil

Lusa

  • 333

São Paulo, 30 nov (Lusa) -- O selecionador do Brasil de futebol, Luiz Felipe Scolari, pediu hoje desculpa pela polémica que promoveu com o Banco do Brasil, durante a sua apresentação como novo treinador da "canarinha", na quinta-feira.

Na ocasião, o técnico, que levou a seleção portuguesa à final do Euro2004 e a brasileira ao título Mundial de 2002, disse que os jogadores deveriam habituar-se à pressão ou, caso contrário, ir "trabalhar para o Banco do Brasil".

A instituição bancária reagiu em comunicado, no qual lamentava "o comentário infeliz do técnico Luiz Felipe Scolari" e lembrou que "tem 116 mil funcionários que, a cada dia, vestem a camisola do banco, as cores do Brasil, e a trabalhar com dedicação e compromisso".