Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Saúde: Carlos César confia que Governo da República não vai reter verbas da região para liquidar alegada dívida

Lusa

  • 333

Ponta Delgada, 07 ago (Lusa) -- O presidente do Governo dos Açores, Carlos César, afirmou hoje que o executivo nacional não vai reter verbas da Região para liquidar uma alegada dívida na saúde, recordando que o primeiro-ministro admitiu que os valores ainda não estão definidos.

"No último encontro que tive com o primeiro-ministro, o próprio primeiro-ministro reconheceu que o valor atribuído a essa alegada dívida não é correto", afirmou Carlos César, em declarações aos jornalistas em Ponta Delgada.

Para Carlos César, "mesmo que se colocasse a questão de essa dívida ser considerada como tal, o seu valor não está ainda apurado e esse é um trabalho que, segundo o primeiro-ministro, tem que ser feito previamente e em diálogo para sabermos que solução damos a este assunto".