Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Salgado diz que Alqueva e Porto de Sines têm que ser "potenciados"

Lusa

  • 333

Lisboa, 14 nov (Lusa) - O presidente do Banco Espírito Santo (BES), Ricardo Salgado, considerou que a dinamização da produção agrícola no Alqueva e a ligação ferroviária do Porto de Sines a Espanha são dois fatores determinantes para o crescimento da economia portuguesa.

"Temos fatores económicos de produção de bens e serviços que têm que ser potenciados", afirmou hoje Salgado, na sua intervenção no Congresso das Comunicações, organizado pela Associação Portuguesa para o Desenvolvimento das Comunicações (APDC).

E especificou: "O Alqueva, quando estiver em plena produção, vai possibilitar que tenhamos uma balança comercial agrícola positiva. E o Porto de Sines só não está a crescer mais porque não temos linhas férreas para Espanha".