Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Salema Garção considera "paz institucional" essencial para o Sporting

Lusa

  • 333

Lisboa, 26 fev (Lusa) -- o antigo dirigente do Sporting Miguel Salema Garção afirmou hoje que o clube de Alvalade precisa "acima de tudo" de "paz institucional".

"É fundamental de, uma vez por todas, colocarmos quezílias, diferenças de parte e que tenhamos capacidade de assumir uma união sólida, independentemente de podermos pensar diferente uns dos outros. Creio que o Sporting, antes de mais e antes de tudo, precisa de paz institucional", disse Salema Garção, que falava à margem da apresentação da meia-maratona de Lisboa.

Salema Garção lembrou que tem "muito respeito" pelo antigo presidente do Sporting Godinho Lopes, mas lembra que, face aos problemas que o clube de Alvalade vinha atravessando, a saída do dirigente antes de terminar o mandato era iminente.