Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

"Sairíamos todos perdedores se fechássemos as nossas economias" -- Durão Barroso

Lusa

  • 333

Santiago do Chile, 26 jan (Lusa) - O presidente da Comissão Europeia, Durão Barroso, apelou hoje à abertura económica, durante a Cimeira União Europeia/América Latina e Caraíbas (UE/CELAC) que decorre em Santiago do Chile, defendendo que, a longo prazo, todos saem prejudicados pelo protecionismo.

"O tema central desta cimeira, o investimento, é de uma extrema relevância. No entanto, abertura e segurança jurídica são condições essenciais para investimentos de qualidade", afirmou o presidente da Comissão Europeia.

Perante dezenas de altos representantes europeus, latino-americanos e caribenhos, Durão Barroso sustentou que "a existência de quadros regulamentares transparentes e estáveis, que respeitem as normas internacionais, incluindo as normas da Organização Mundial do Comércio", é fundamental para a atração de investimentos de qualidade.