Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Rússia e China contra ingerência militar na Coreia do Norte

Lusa

  • 333

Moscovo, 21 fev (Lusa) -- A Rússia e a China advertiram hoje a comunidade internacional para não usar o recente ensaio nuclear da Coreia do Norte como desculpa para uma ingerência militar no país.

Em declarações à imprensa, após um encontro em Moscovo, os ministros dos Negócios Estrangeiros russo e chinês afirmaram também a sua convergência de pontos de vista em relação à maneira de lidar com os conflitos mundiais, incluindo a Síria.

"É fundamental impedir que esta situação seja aproveitada como desculpa para uma ingerência militar estrangeira ou para obstaculizar a retomada das negociações a seis", afirmou o chefe da diplomacia russa, Serguei Lavrov, numa conferência de imprensa conjunta com o seu homólogo chinês, Yang Jiechi.