Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

RTP: Jerónimo de Sousa diz que críticas não devem ser apenas dirigidas ao "figurante" Miguel Relvas

Lusa

  • 333

Lisboa, 01 set (Lusa) - O secretário-geral do PCP, Jerónimo de Sousa, afirmou hoje que as críticas sobre a privatização da RTP não devem destinar-se apenas a Miguel Relvas, pois o ministro é um "figurante" cujas ações são concertadas com o primeiro-ministro.

"Trata-se de uma operação inaceitável e única na Europa" levada a cabo por "um Governo muito determinado e que vai escondendo os seus atores, mas que é da responsabilidade do primeiro-ministro e do Governo", disse Jerónimo de Sousa, a propósito do objetivo de privatização da televisão pública.

O dirigente comunista falava aos jornalistas após um discurso de mobilização aos militantes comunistas que estão a ajudar a preparar a Festa do Avante, com início marcado para a próxima sexta-feira, na Quinta da Atalaia (Seixal).