Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Rio+20: Ban Ki-moon pede a dirigentes mundiais que pensem no bem público

Lusa

  • 333

Rio de Janeiro, 20 jun (Lusa) - O secretário-geral ONU incentivou hoje os chefes de Estado e de Governo presentes na abertura da conferência da ONU sobre desenvolvimento sustentável Rio+20 a abdicarem de interesses nacionais a favor do bem público.

"Precisamos deixar de lado os interesses nacionais e pensar no bem público. Estamos neste barco juntos. Sabemos o que precisamos de fazer, mostramos ao mundo que concordamos sobre o que é importante", disse Ban Ki-moon na abertura da conferência, que se realiza até sexta-feira, na cidade brasileira do Rio de Janeiro.

O secretário-geral das Nações Unidas afirmou que é preciso realizar um "movimento global de mudança" que englobe as metas de sustentabilidade e que o atual modelo de desenvolvimento económico e social está "quebrado", tendo também feito um apelo em nome das futuras gerações.