Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Revista de Imprensa

Lusa

  • 333

Lisboa, 30 dez (Lusa) -- A notícia de que há milhares de utentes do Serviço Nacional de Saúde que têm atribuídos médicos de família que não existem ou não exercem é hoje a manchete do Diário de Notícias.

Segundo o jornal, só uma médica que nunca existiu no Centro de Saúde da Venda Nova tem atribuídos cinco mil utentes e há duas outras que já se reformaram e continuam a ter doentes inscritos.

O Jornal de Notícias destaca em manchete que os pedidos de ajuda ao centro de apoio psicológico do Instituto de Emergência Médica (INEM), que este Natal aumentaram 58% em relação ao ano passado, atingindo 117 em seis dias.