Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Responsáveis internacionais juntam-se para criar novo organismo de defesa dos oceanos

Lusa

  • 333

Lisboa, 11 fev (Lusa) - Mais de uma dezena de antigos chefes de governo e ministros de países de todos os continentes vão lançar a "Comissão do Oceano Mundial", que pretende transformar-se em orgão consultivo da ONU sobre proteção de ecossistemas oceânicos.

A "Comissão do Oceano Mundial" (COM), que terá sede permanente na universidade britânica de Oxford, será presidida pelo ex-ministro dos Negócios Estrangeiros do Reino Unido David Miliband, pelo ex-presidente da Costa Rica José Maria Figueres e pelo ministro sul-africano do planeamento, Trevor Manuel, anunciaram fontes da nova organização citadas pela agência efe.

A COM integrará também o ex-primeiro ministro do Canadá Paul Martin, o diretor da Organização Mundial do Comércio, Pascal Lamy; o ex-ministro das Finanças do Chile Andrés Velasco, e a ex-ministra espanhola do Ambiente Cristina Narbona.