Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Remessas dos emigrantes podiam ajudar a combater a pobreza, agência da ONU

Lusa

  • 333

Redação, 30 jun (Lusa) - As remessas financeiras que os trabalhadores imigrantes enviam para os respetivos países poderiam gerar mais 30 mil milhões de dólares em investimentos anuais na agricultura e ajudar os trabalhadores rurais a sair da pobreza, anunciou uma agência da ONU.

De acordo com dados do Fundo Internacional para o Desenvolvimento Agrícola (IFAD), se fossem ampliadas as iniciativas no setor agricola o dinheiro enviado pelos emigrantes para a sua terra natal poderia gerar 30 mil milhões de dolares por ano para investimentos em áreas rurais.

Segundo a agência da ONU, as remessas dos emigrantes "podem ajudar os trabalhadores rurais a sair da pobreza e da exclusão" .