Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Relvas/Público: BE considera deliberação "frouxa" por "não conseguir provar pressões"

Lusa

  • 333

Lisboa, 20 jun (Lusa) -- O Bloco de Esquerda considerou hoje "frouxa" a deliberação da ERC quanto às alegadas pressões do ministro Miguel Relvas a uma jornalista do Público, porque o organismo defende que "há contradições", mas "não consegue provar as pressões".

"Se esta é uma deliberação frouxa, porque apenas diz que há contradições e não consegue provar as pressões, é ainda mais frágil porque não consegue sequer a unanimidade do conselho regulador", afirmou a deputada Catarina Martins, em declarações à agência Lusa, comentando a deliberação hoje tornada pública pela Entidade Reguladora para a Comunicação Social (ERC).

Aquele organismo "não deu como provada a existência de pressões ilícitas do ministro Miguel Relvas" sobre o jornal Público, segundo uma deliberação hoje emitida.