Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Reitor da UMinho propõe manutenção do valor das propinas por causa da crise

Lusa

  • 333

Braga, 25 jun (Lusa) - O reitor da Universidade do Minho (UMinho) defende a manutenção do valor das propinas em 1.037,20 euros, mas a última palavra será dada pelo Conselho Geral, na reunião marcada para 01 de julho, informou hoje fonte daquela academia.

A pró-reitora da UMinho Felisbela Lopes disse à Lusa que a proposta do reitor, António Cunha, de não aumento das propinas tem a ver "com difícil conjuntura económica que o país atravessa" e as inerentes dificuldades sentidas pelas famílias.

A proposta será apresentada ao Senado na quarta-feira e levada ao Conselho Geral, o órgão com poder de decisão sobre a matéria.