Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Regulador dos portos tenta acordo a dois dias da votação da nova lei

Lusa

  • 333

Lisboa, 27 nov (Lusa) -- O Instituto Portuário e dos Transportes Marítimos (IPTM), regulador do setor portuário, apelou hoje a um acordo de compromisso entre patrões e sindicatos em torno da proposta da nova lei, a dois dias da votação na Assembleia da República.

A proposta de acordo garante aos trabalhadores a salvaguarda dos postos de trabalho e a continuação da atual tabela salarial e pretende garantir "com efeito imediato a plena laboração dos portos nacionais, suspendendo todas as greves declaradas".

Esta proposta surge a dois dias da votação da nova proposta de lei, que tem lugar na próxima quinta-feira, dia em que está agendada uma concentração para protestar contra o diploma junto à Assembleia da República.