Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Regime sírio "não pode continuar impune", diz Merkel

Lusa

  • 333

Berlim, 29 ago (Lusa) - A chanceler alemã Angela Merkel falou na quarta-feira com o seu homólogo britânico David Cameron, tendo ambos considerado que há as provas suficientes de um ataque químico contra civis na Síria e que o regime não pode "continuar impune".

"A chanceler (Angela) Merkel falou novamente ao telefone esta quarta-feira à noite com o primeiro-ministro britânico, David Cameron, sobre a situação na Síria. Ambos estão de acordo ao considerarem que o uso massivo de gás tóxico contra a população civil síria está agora suficientemente fundamentada", indicou o porta-voz do governo, Steffen Seibert, em comunicado.

Segundo a nota oficial difundida em Berlim, este ataque com armas químicas "é um ponto de viragem no conflito interno que dura há muito tempo".