Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Redução taxa de desemprego "é forte sinal de esperança" que tem ser consolidado - Cavaco Silva

Lusa

  • 333

Lisboa, 07 nov (Lusa) - O Presidente da República considerou hoje que a redução da taxa de desemprego em Portugal "é um forte sinal de esperança" que tem de ser consolidado e que se tratam de "números animadores".

"O que foi hoje revelado pelo Instituto Nacional de Estatística é um importante sinal de esperança para o futuro e o que importa neste momento é que todos os agentes políticos económicos e sociais trabalhem para consolidar esta tendência de redução do desemprego reforçando a confiança em Portugal para que as decisões de investimento possam ser tomadas por parte de empresários portugueses e por parte de empresários estrangeiros", disse o chefe de Estado, Aníbal Cavaco Silva, quando instado a comentar os dados hoje revelados sobre a taxa de desemprego.

Segundo o Instituto Nacional de Estatística, no terceiro trimestre deste ano a taxa de desemprego em Portugal foi de 15,6%, 0,8 pontos percentuais abaixo da registada no trimestre anterior e menos 0,2 pontos do que no mesmo período de 2012.