Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Rebeldes curdos do PKK anunciam cessar-fogo na Turquia

Lusa

  • 333

Istambul, 23 mar (Lusa) -- Os rebeldes do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK) anunciaram hoje um cessar-fogo, perante o apelo do seu líder para baixar as armas, mas esperam que as autoridades turcas "assumam as suas responsabilidades" antes de iniciarem uma retirada da Turquia.

"Proclamamos oficialmente e claramente o cessar-fogo, que entrou em vigor a partir de 21 de março, data em que foi divulgada a mensagem" de Ocalan, declarou o comandante militar do PKK, Murat Karayilan, numa mensagem de vídeo difundida pela agência de notícias curda Firat News.

O líder curdo Abdullah Ocalan pediu na quinta-feira aos rebeldes do Partido dos Trabalhadores do Curdistão que depusessem as armas e abandonassem a Turquia.