Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Raikkonen pondera não correr os dois últimos grandes prémios da Fórmula 1

Lusa

  • 333

Redação, 01 nov (Lusa) -- O finlandês Kimi Raikkonen, piloto da Lotus até ao final da temporada, admitiu hoje que não descarta falhar as últimas duas provas do calendário da Fórmula 1, devido a salários em atraso.

Raikkonen, que na próxima época correrá na Ferrari, confessou que chegou apenas hoje ao Grande Prémio (GP) de Abu Dabi, em vez de um dia antes como é habitual, porque esteva disposto a não correr as últimas provas devido aos problemas económicos da Lotus.

"Vim só, porque, felizmente, chegámos a acordo sobre alguns problemas que estávamos a ter. Espero que possamos solucioná-los e acabar a temporada da melhor maneira possível", explicou.